Páginas

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Casa Ruth Guimarães destacou a cultura de Ubatuba e de Cachoeira Paulista na Flip

Durante os quatro dias de atividades da Casa Ruth Guimarães, o público que esteve presente na Flip 2017 pode conhecer mais sobre a escritora homenageada e seu trabalho fundamental na literatura brasileira e também ampliar os olhares sobre os artistas, escritores, músicos e sobre a cultura ubatubana em geral. 
Foto: Thiago Mariano


A mesa realizada na sexta-feira, dia 28, com a participação de Lázaro Ramos, Severino Antônio e Joaquim Maria Botelho evidenciou o trabalho de Ruth e sua importância para as diversas linguagens que a autora trabalhou durante sua vida. Em um momento de homenagens e de reconhecer o legado deixado por ela, cada um dos participantes da mesa pode fundamentar seus olhares sobre a escritora. 

Sábado, 29, no dia dedicado a Ubatuba, a programação começou com apresentação da companhia de palhaços "Pintando o 7", em seguida, na parte da tarde, Pedro Gontijo, escritor que junto com o Informar Ubatuba criou o projeto "Ilhas Literárias", recebeu representantes arte da escrita do município. Todos os presentes puderam ouvir uma crítica feita por Joaquim Maria Botelho, filho de Ruth Guimarães, jornalista e crítico literário. O momento de prosa ficou marcado pela diversidade das letras representadas pelas pessoas da mesa e o público de Ubatuba marcou presença no Silo Cultural. 
Foto: Thiago Mariano


Após a mesa, por meio da curadoria de Leila Garcia e Bárbara Araújo, os atores Rodrigo Caldeira e Venício Toledo apresentaram leituras dramáticas. Antes de encerrar a noite, o Fandango Caiçara de Ubatuba completou o momento com um baile de fandango que promoveu o intercâmbio também com mestres da ciranda de Paraty.

Domingo, a Banda Lira Padre Anchieta animou as ruas do Centro Histórico de Paraty em um cortejo junto ao público e aos escritores da Flipinha. Em seguida, houve uma roda de conversa na beira do cais e depois os músicos voltaram a tocar. 

As fotos podem ser conferidas na página do Facebook do Silo Cultural